As empresas de todos os setores precisam manter uma base de informações para caminhar com assertividade. No mercado atual, é necessário interpretar dados sobre os clientes, produtos, fornecedores, concorrentes e todo o cenário para manter a alta competitividade.

Por isso, Big Data se tornou uma palavra-chave, mas que ainda causa dúvidas em muitos empreendedores.

Quer saber mais sobre as estratégias Big Data, como angariar, interpretar e aplicar dados e quais os benefícios desse planejamento? É só seguir com a leitura!

O que são estratégias baseadas em Big Data?

Nos últimos anos, a aceleração digital já acontecia, mas cresceu de forma perceptível no mundo pós-pandemia. O Marketing baseado em dados é a estratégia principal de muitas empresas, e agora também é o que move o mercado. Interpretar dados já não é mais um diferencial, mas uma necessidade.

O conceito Big Data refere-se à área que analisa o conjunto de dados gerados o tempo todo, a partir de ações que processam, coletam e mostram esses dados. As informações vêm de sites, smartphones, blogs, diversas redes sociais, e até TVs e geladeiras modernas. 

É um conceito moderno demais para os sistemas tradicionais, rápido e assertivo, associado às inteligências artificiais. Por isso, profissões como Engenheiros de Dados, Administradores de Big Data e até Cientistas dos Dados lidam com o trabalho em Big Data. 

Essa é a mesma tecnologia assertiva que vai te ajudar a encantar e fidelizar os seus clientes. É através do cruzamento dos dados que é possível construir um planejamento para uma campanha que engaje, para uma marca que faça sucesso e para um produto que venda bem.

Os benefícios de utilizar dados na sua estratégia de vendas

Já ouviu falar que “conhecimento é poder”? Essa frase famosa é ainda mais verdadeira atualmente.

Os dados guiam as empresas, palavra por palavra, na construção do anúncio para vendas. Apenas com dados assertivos é possível ter vantagens no mercado, já que, ao invés de caminhar sem saber o que fazer, a empresa vai receber as informações essenciais para seguir em frente e alcançar o sucesso. 

Vamos partir para alguns dos benefícios:

  • Entender melhor o mercado atual 

Você conhece a ferramenta da Pesquisa de Mercado? Essa prática tão importante se baseia em dados. Quando se trata de empresas, conhecer o cenário do mercado determina como agir.

E os dados são o que você vai resgatar a partir de um bom estudo sobre os seus concorrentes, as oportunidades, as ameaças, as possíveis parcerias, os melhores fornecedores e etc. Assim, você vai orientar a sua empresa para se destacar.

A análise dos dados permite que os colaboradores tenham insights assertivos, bem guiados, para otimizar as estratégias e testar até chegar à mais eficaz. Quer saber como usar a segmentação do mercado ao seu favor? Confira aqui.

  • Compreender necessidades dos clientes

O mercado moderno pede que os produtos sejam personalizados, pensados para o cliente, já que a concorrência é grande e os diferenciais são importantes. Mas como saber o que o seu cliente quer?

Com a análise de dados, é possível responder a essa e a outras perguntas, como quais melhorias implementar, quais serão os próximos passos para alcançar um novo público, quais mudanças no comportamento do consumidor influenciam o seu negócio e etc.

  • Melhorar resultados

Você pode e deve analisar dados sobre a sua empresa, os concorrentes e o público, e todas essas informações vão te mostrar o que deve ser melhorado dentro da empresa. 

Quando você aplicar as mudanças de acordo com dados bem interpretados, notará resultados muito melhores.

Como aplicar os dados na sua estratégia de vendas

Mas, afinal, como o Big Data pode ser aliado às estratégias? 

Tudo começa conosco, seres humanos, que precisamos resgatar e analisar esses dados a partir de técnicas modernas. As informações coletadas serão usadas para nos guiar as tomadas de decisão da empresa de forma profunda.

Vamos para a prática:

Ações para gerar dados dos próprios clientes

Para conseguir analisar os dados, primeiro é necessário gerar os dados. Confira algumas formas de fazer essa coleta:

Anúncio

Há plataformas de mídia paga, como o Google Ads, que disponibilizam as suas campanhas para o mundo e recebem dados importantes a cada exposição. É possível construir testes, como anúncios A e B, e verificar quais tiveram melhores resultados, qual tipo de linguagem e imagem os consumidores preferem.

Também é possível notar idades, regiões, média de renda familiar e outras informações. Além do Google Ads, você pode contar com o Facebook Ads, Amazon Ads, LinkedIn Ads e outros.

Quer saber quais estratégias de Marketing usar para construir anúncios para as novas gerações de consumidores? Saiba aqui.

Promoção

Há vários tipos de promoções, como descontos, sorteios, cartões, cupons, parcerias com Influenciadores Digitais… Todos são formas de receber dados dos clientes, já que eles normalmente precisam se cadastrar na loja, seguir as redes sociais, ou até se cadastrar no site para usar o cupom. Essa é uma forma mais ampla de conseguir os dados, por isso os dados gerados não serão muito profundos.

Rede de pesquisa 

Redes de pesquisa, como o Google, abarcam cookies instalados em sites para que possam visualizar o histórico das pessoas que acessam e interagem. É possível visualizar também os outros sites que o usuário acessou, o que permite verificar hobbies, gostos e diferentes comportamentos.

Newsletter

As Newsletters são ótimas ferramentas! Elas servem para se comunicar com os clientes, informar novidades, promoções e informações que de fato interessem às pessoas que se inscreveram. 

Por exemplo, se você é uma loja de materiais de cozinha, você pode distribuir dicas, artigos e notícias que interessem aos formados em gastronomia. Assim, você já se conecta ao endereço de e-mail, e filtra os interessados no seu tema.

E-book

Os E-books fazem parte dos materiais que nutrem os clientes, ou seja, você entrega informações ricas, que realmente interessam ao público, e aproveita os diversos benefícios:

  • Coleta vários dados a partir dos clientes que se cadastram na Landing Page para conseguir o E-book;
  • Os Leads são mais qualificados, já que a pessoa está de fato interessada no tema;
  • A sua empresa ganha reputação como autoridade no tema e gera confiança.

Os dados pedidos na Landing Page podem ser variados, como nome, telefone, e até perguntas específicas.

Mas, após ter os dados, como podemos analisá-los? 

Há várias plataformas que ajudam a analisar dados, como Zeeng e Hariken. Porém, nada substitui uma equipe capacitada para gerenciar os dados e interpretá-los. Afinal, só com uma boa interpretação e estratégia é possível usar bem essas informações.

Por isso, conte com empresas especialistas em dados, que possam te auxiliar na coleta e uso eficiente dessas informações. E, claro, não esqueça de seguir a Lei Geral de Proteção de Dados. Entenda aqui.

Saber interpretar esses dados é o que a sua empresa precisa para alavancar as suas vendas. Conte com profissionais capacitados nessa jornada! A A.C.E. Consultoria é uma empresa especializada em inovação, com serviços de pesquisa e criação de estratégias que vão otimizar os seus resultados. Fale conosco.

Fale com um consultor

Leia também