O marketing 4.0 é a nova tendência do mercado e o Isolamento Social acelerou a chegada de novos modelos de negócio. Muitas empresas já estavam praticamente prontas para entrar no digital, algumas outras caíram de paraquedas no mundo do e-commerce e das redes sociais.

Nos últimos quatro meses, pense um pouco e imagine quantas vezes você pesquisou um produto na internet ou fez alguma compra online? Difícil saber o número exato, certo? Esse é o mundo do Marketing 4.0. O mercado está cada vez mais online, se adaptando para oferecer o melhor baseado na experiência do cliente.

Foco no cliente transformou-se no novo lema e a era digital acelerou essa aproximação. Afinal, é mais difícil vender algo se você concorre com milhares outros vendedores e tem apenas alguns segundos para capturar a atenção de quem você deseja. Cada segundo é precioso, e em um relacionamento, a proximidade é um diferencial. O cliente com certeza voltará no lugar em que ele se sentiu confortável, “em casa”.

Sim, é possível criar um lugar aconchegante dentro da internet!

Um lugar mais humanizado, autêntico e transparente, com foco nas pessoas, é possível também no digital. Separamos quatro tendências que são o carro chefe para uma marca que deseja se destacar:

  • Propósito: As pessoas estão buscando marcas que desempenham um papel adicional e um compromisso com a sociedade;
  • Transparência: As marcas precisam derrubar os muros que separam a promessa da entrega. Quem faz, como faz e porque faz?
  • Humanização: Mais do que nunca, o foco é nas relações próximas e humanizadas. Marcas são feitas de pessoas e para pessoas;
  • Experiência: Mais do que consumir produtos e serviços, as pessoas buscam experiências memoráveis, autênticas e significativas.

As pessoas não mais procuram apenas o produto, elas buscam o que mais a marca pode entregar à sociedade, à natureza e ao mundo. Humanização, pessoalidade e conexão são palavras chaves para o marketing digital hoje.

O que é o Marketing 4.0?

“Em essência, o Marketing 4.0 descreve um aprofundamento e ampliação do marketing centrado no ser humano para cobrir todos os aspectos da jornada do cliente”.

Dizem Philip Kotler, Hermawan Kartajaya e Iwan Setiawan no livro

Marketing 4.0 – Do tradicional ao digital.

A era pós-digital está presente nas nossas vidas. Hoje é quase impossível enxergar a fronteira do offline para o online. Todos estão conectados o tempo todo e cada vez mais raro será encontrar uma pessoa sem nenhum dispositivo conectado à internet. Com o processo produtivo em constante alteração, o Marketing 4.0 foca nas pessoas e no futuro, o que o torna um conceito dinâmico e mutável de acordo com a necessidade do cliente e do mercado.

“O Marketing 4.0 trata da revolução digital. As empresas continuarão a fazer marketing tradicional, centrado na TV e na mídia impressa, mas o marketing digital (mídias sociais, mobile e internet) aumentará. As empresas precisam saber como misturar e conectar seu marketing tradicional e seu marketing digital”.

Diz o “Pai do Marketing”, Philip Kotler,

em entrevista ao Mundo do Marketing.

Como disse Kotler, as empresas precisam encontrar uma forma de mesclar o tradicional com o digital, sem perder a conexão humana, o sentimentalismo que cria uma fidelização, a lealdade dos clientes. Um ambiente que o faz retornar.

Existem 3 mudanças importantes que impactam o mercado e foram responsáveis pela chegada do Marketing 4.0:

Google: A empresa referência em buscas na internet direciona milhões de pessoas para milhões de sites todos os dias. Sua empresa estar no topo das buscas estabelece grande vantagem entre os concorrentes, mas para isso é necessário uma conexão entre a empresa e seu consumidor, estreitando o relacionamento de ambos.

Redes Sociais: No quesito aproximação e influenciadores de marcas, são as ferramentas mais queridas. Um público massivo e fiel frequenta a essas redes e estão em busca de informação, entretenimento. Sua marca pode oferecer isso a ele. 

Negócios digitais: Aqui estão o Spotify, Uber, Airbnb e outros. As startups que prestam serviços populares e essenciais ao seu público. Serviços baseados na internet.

Hoje não mais existe dúvida entre ir ou não para o digital. É imperativo sua presença online. A pergunta hoje é “como se diferenciar de tantas outras no mercado digital?”.

O novo marketing oferece inúmeros benefícios à sua empresa como: maior divulgação da marca ou produto para grande número de pessoas; aumento no número de vendas por meio das redes ou potencializadas por um e-commerce; segmentação do público-alvo de acordo com as características e interesses de quem procura o seu produto.

Na prática, como o Marketing 4.0 funciona nas empresas?

Se você chegou até aqui, já sabe os benefícios do Marketing 4.0, sua definição e as possibilidades que ele pode te proporcionar. Chegou a hora de saber como colocar na prática:

Advogados da marca

Kotler propõe o modelo dos 5A’s: Assimilação, Atração, Arguição, Ação e Apologia. Segundo o autor, o consumidor é constantemente influenciado pela comunidade, principalmente pela internet. Assim esse modelo descreve a jornada do consumidor na era da conectividade.

Segundo dados da SocialChorus, 95% dos millennials disseram que amigos são a fonte mais confiável de informações sobre produtos. No final, o maior sinal de fidelidade do cliente não é mais a recompra, é defender a marca (apologia) e promovê-la. 

Trabalhe com personas

Personas são personagens fictícios com as características mais relevantes do público que você deseja atingir, baseadas em comportamentos, dados demográficos e sociais, desejos e dores do seu cliente.

No marketing 4.0, a ideia é atrair pessoas que realmente têm potencial de consumo do seu produto. Então criar buyer personas, possibilita direcionar a estratégia, conteúdos e campanhas para os consumidores certos, aumentando as chances de convertê-los em clientes.

Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo é a produção e compartilhamento de conteúdos de qualidade e valor. Essa é uma excelente estratégia para despertar a atenção do público e mostrar que sua marca tem conhecimento no que faz.

Entretanto, é necessário conhecer as dores dos seus clientes. Através da criação de buyer personas e desenvolvimento de conteúdos para todas as etapas do funil de vendas, sua marca poderá proporcionar uma experiência personalizada ao consumidor.

Monitore resultados

Mais importante que coletar dados é analisá-los. Através dos dados, você saberá se o seu produto foi bem aceito no mercado, quais ações de marketing funcionam melhor e quais erros ocorreram. As métricas avaliam o engajamento, alcance e taxas de conversão obtidos através das redes. As pesquisas de imagem e satisfação dizem como o público está aceitando seu produto e sua marca.

“Cabe às marcas e influenciadores coletá-los e usá-los com sabedoria para refinar a pesquisa de mercado, o desenvolvimento de novos produtos ou apenas para medir a satisfação do consumidor”.

Aponta relatório da Kantar Media.

Experiência multicanal

É aqui onde o tradicional se mistura com o digital. Seus clientes possuem diversas redes sociais, por isso sua empresa precisa ter presença em diversos canais. O consumidor deve conseguir encontrar produtos/serviços de forma rápida e fácil, atrelado a conteúdos relevantes e explicativos. É a experiência multicanal ou omnichannel. As buyer personas te dirão quais plataformas o seu público mais frequenta e então você investirá nelas.

Integre online com offline

Encontre formas do consumidor transitar do online para o offline e vice-versa, sem que ele perceba a transição. Uma das ideias mais comuns é a produção de eventos. Se uma marca promove um evento em um determinado local e usa as redes sociais para divulgar e atrair mais pessoas para o evento, então a transição foi feita com sucesso.

Aliar a ideia com o marketing, criando sorteios, brindes, descontos para quem acessar a rede social e divulgar ainda mais o evento, entre outras ideias, poderá gerar uma promoção e até fidelização dos clientes.

Relações horizontais

Hoje, empresas e clientes trabalham lado a lado, interagindo, trocando informações e experiências e difundindo conteúdos. A marca precisa ser honesta sobre o que pretende oferecer de valor ao mundo e autêntica. Autenticidade e estratégia são uma dupla inseparável.

De acordo com uma pesquisa da Stackla, 86% dos consumidores afirmam que o fator autenticidade é importante para decidir de quais marcas eles gostam e apoiam.

O Marketing 4.0 chegou para firmar a necessidade de aproximação das marcas com quem consome seus produtos/serviços, um modelo que casa com as culturas de Customer Experience, Customer Success e Customer Centricity, culturas amplamente estudadas e comentadas atualmente.

Aqui o foco está conexão com pessoas, nas experiências, na opinião do público  e na conquista da lealdade. A disputa não é mais pelo poder de compra, nem pela mente, mas sim pelo coração, lembrança, sentimento e confiança do cliente. A revolução digital está batendo na porta da sua empresa, cabe a você deixá-la entrar.

O foco da A.C.E. Consultoria está nas pessoas e em proporcionar a melhor experiência, de ponta a ponta, da ideia à gestão do negócio e resultados consistentes. Entre em contato conosco.

Fale com um consultor

Leia também