O mapeamento de processos é a melhor forma de analisar as etapas da empresa para alcançar maior eficiência e reduzir chances de falhas. Principalmente para as distribuidoras, que funcionam com base na logística, o mapeamento garante que elas continuem competitivas no mercado.

Para colocar o mapeamento em prática e garantir um cenário estável para a sua distribuidora, confira as nossas dicas. 

A importância do mapeamento de processos 

Mapear processos é o ato de estudar as etapas indispensáveis para a entrega do produto/serviço ao cliente e representá-las graficamente. Às vezes, o mapeamento também utiliza documentos, planilhas e outros tipos de registro para que os processos fiquem bem representados.


Ao inserir essa ferramenta na vida da empresa, os gestores garantem a compreensão das etapas produtivas e do que ocorre nos diferentes setores, analisando o seu funcionamento e gerenciando da melhor forma. A importância está no simples, mas precioso fato, de que só analisando é possível otimizar.


A partir disso, é possível estudar como melhorar e padronizar esses processos para que o melhor resultado seja entregue ao cliente, sem falhas, sem atrasos e sem prejuízos.

Por que mapear os processos de uma distribuidora?

Com base nas informações adquiridas no mapeamento, torna-se possível gerenciar com eficiência cada processo de uma distribuidora. Sem um mapa, esses processos podem virar uma confusão. Uma distribuidora precisa de muita exatidão para que nada atrase.

Na área interna da gestão da distribuidora, por exemplo, falhas podem levar a investimentos desnecessários em insumos por causa de uma má organização do estoque. Ou ainda, a má liderança da frota pode gerar atrasos na entrega do produto ao cliente. 

Ao ter processos mapeados, todas essas atividades serão bem observadas em todos os seus horários e necessidades. Ao final, a empresa terá um cliente muito satisfeito pelo serviço prestado. 

Quer saber mais sobre esses grandes benefícios? Leia aqui.

Passo a passo para mapear o processo de distribuição 


Como é possível mapear o processo de distribuição? Confira os seguintes passos:

Possua os objetivos determinados

Cada processo mapeado possui objetivos, que normalmente são a sua contribuição para o produto/serviço final. Antes de começar o mapeamento, é preciso entender o que esse processo pretende entregar para a empresa. Por que ele existe? 

Identifique e analise os resultados

Quais são os resultados esperados? O objetivo que você estudou na etapa passada pode muito bem responder a essa pergunta. O resultado entregue por esse processo pode desencadear outros processos (ao finalizar a produção do produto, começa a fase da entrega, por exemplo). 

Quais resultados você busca com o processo de distribuição? 

Agora é a hora de comparar os resultados encontrados com os esperados. O que, dentro do processo, está impedindo que os melhores resultados saiam? Nesse momento, você já deve ter um bom mapa feito sobre o processo, então é hora de delimitar como ele deve ser feito.

Identifique os componentes, entradas e fornecedores 

Os componentes são os materiais, desde energia usada, até o maquinário e os recursos humanos. Registre cada um desses pontos.

As entradas são os elementos que serão modificados durante o processo – por exemplo: uma farinha que vira bolo, ou uma informação que vira e-mail. Há entradas de clientes, de equipamentos e de outras variáveis. São pontos determinantes para o processo mapeado e que também devem ser registrados.

Finalmente, os fornecedores, que são quem normalmente entregam as entradas. Eles também devem ser analisados, ponderados e registrados.

Se quiser saber mais detalhes sobre esse passo a passo, confira aqui.

Documente o processo

Deixe bem documentado como o processo ocorre atualmente para que possa monitorar as melhorias. Tudo o que você escreveu servirá como guia para os seus colaboradores.

A A.C.E. Consultoria é especialista em mapeamento de processos! Não queremos que você passe por perrengues na hora de mapear. Conte com uma equipe capacitada para que esse registro seja bem-sucedido. Fale conosco!

Fale com um consultor

Leia também